//
Você está a ler ...
Geral

Uma vida de paixões | 2ª Edição Career Talks

Veio de Lisboa para o Norte a procura de um caminho (mais) certo para a sua vida. Pedro Melo, enfermeiro, doutorando pela Universidade Católica do Porto. Uma pessoa que gosta de pessoas e que encontrou na enfermagem uma forma de perceber a essência de todas elas.

DSC_0007

São tantas as experiências no curriculum que, segundo ele, isto é um fator positivo por torná-lo hoje o profissional e a pessoa que é, mesmo que tais vivências não tenham sido propriamente na área que estudou. E por falar nisso, o prestigiado enfermeiro quase seguiu o caminho da fama.

Pedro tinha o objetivo de estar ligado às artes e fez teatro amador, uma grande paixão. Fez parte do casting da série Riscos, da RTP. A partir de uma sugestão da família, o entrevistado optou por concorrer ao curso de Enfermagem, prestes a gravar a série no Algarve, e, por ironia do destino ou não, marcou erradamente a escola do Porto no momento da inscrição.

Enquanto enfermeiro e ator, Pedro tem a aptidão de controlar suas emoções e lidar com o difícil cotidiano de um profissional de enfermagem. Fã do escritor António Damásio, o Enfermeiro cita uma de suas frases: “As emoções dramatizam-se no teatro do corpo, e os sentimentos no teatro da alma”. Nas longas noites de trabalho, só pensava na dignidade com que deveria ajudar ao paciente a sair desta vida para o eterno descanso.

DSC_0030

O papel de um enfermeiro, de acordo com Pedro, é acima de tudo ajudar com as emoções. A anatomia e a fisiologia tornam-se pequenas diante da importância emocional que estes profissionais tem no dia-a-dia dos pacientes. Para os alunos, ele sempre tenta reforçar o que significa esta profissão e que tenham eficácia na tomada de decisão clínica. “O maior desafio é descentrar-se daquilo que é a doença e começar a olhar para as pessoas naquilo que ela é e a sua complexidade. É uma das áreas mais complexas no que diz ao olhar as pessoas”.

Os futuros enfermeiros devem perceber o estado atual da economia. Portugal não esgotou o mercado, diz ele, é preciso saber adaptar-se. O desafio é pensar o que pode ser feito para mudar ou criar novas coisas. Falta criatividade, empreendedorismo e atitude por parte do tradicional cargo de enfermeiro. Esta é a ideia de Pedro Melo

Em pleno lançamento do seu primeiro livro, Margens, Pedro mal encontra tempo para dormir, mas para o convidado da 2ª Edição do Career Talks, isto não é um problema. “Como viciado em paixão que sou, sou apaixonado por vida”.

DSC_0080

*A próxima edição do Career Talks será em Janeiro 2014, em breve mais informações.

Discussão

Trackbacks/Pingbacks

  1. Pingback: Carrer Talks – À conversa com Isabel Souza Guerra | Bwizer - Fevereiro 6, 2014

Participe! Deixe um comentário ...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: