//
Você está a ler ...
Geral

Pernas Cansadas | Um envolvimento que alivia este sintoma de patologia vascular

dicas-para-pernas-cansadas-8211-como-prevenir-as-pernas-cansadas-739x311O termo “pernas cansadas” diz respeito a um dos principais e mais frequentes sintomas em disfunções venolinfáticas, sendo decorrente da instalação de edema nos membros inferiores, com maior incidência nas porções mais distais destes segmentos. O edema trata-se de um acumulo anormal de líquido no espaço intersticial, podendo ter uma origem venosa e/ou linfática, caracterizando-se macroscopicamente por aumento do volume na região acometida.

A formação de edema pode ocorrer por diversas causas como, aumento da pressão hidroestática, diminuição da pressão osmótica, aumento da permeabilidade vascular, obstrução, destruição, remoção cirúrgica (exemplo: pós mastectomia total), ou mesmo ausência congénita de alguma rede. São múltiplos os fatores etiológicos que desencadeiam alterações no sistema vascular propiciando a doença flebolinfológica.

Devido a fatores hormonais, o género feminino é o mais afetado pelas disfunções circulatórias. Mas não são apenas os fatores hormonais que têm um elevado impacto no sistema circulatório pois também o estilo de vida, história de doença familiar e idade avançada representam um elevado peso na sua etiologia.

De referir também que a profissão, pelas suas especificidades e exigências posturais que poderá ou não implicar, é com frequência, determinante no aparecimento deste tipo de patologia. De facto, estar parado em pé, passar muito tempo sentado ou ter as pernas cruzadas são fatores de risco, uma vez que dificultam o retorno venoso e linfático e sobrecarregam o sistema vascular.

A sensação de pernas cansadas é o sintoma mais frequente da doença flebolinfológica, contudo existem outros sinais e sintomas característicos deste tipo de disfunção, tais como, prurido, alteração da sensibilidade, dor articular, alteração da temperatura local, cãibras noturnas ou em casos mais severos alterações cutâneas como eczemas, micoses e úlceras. Associada à disfunção venosa surgem com frequência telangiectasias, varizes e quadros de celulite.

 Assim percebe-se que as medidas profiláticas são fulcrais para evitar a instalação de patologia flebololinfológica, bem como que uma vez instalada, esta requer tratamento regular de forma que não evolua para quadros severos e irreversíveis.

 O fluxo linfático é influenciado pela gravidade, contração muscular, pressões nos tecidos adjacentes, bombeamento arterial, peristaltismo visceral e movimentos respiratórios. Portanto, este fluxo pode ser alterado por recursos ao alcance do fisioterapeuta. Ora, desde massagens de drenagem linfática, a pressoterapia, enfaixamento compressivo ou exercícios físicos, são vários os recursos terapêuticos disponíveis ao dispor da Fisioterapia.

Embora seja frequentemente protelada, a cosmetologia pode ser uma excelente ferramenta no controlo da patologia venolinfática, uma vez que graças a princípios ativos vasoconstritores, anti-inflamatórios, antioxidantes e estimuladores da circulação podemos influenciar o sistema vascular e induzir tonificação das paredes dos capilares, bem como facilitar o retorno venoso e linfático.

Solução desfatigante

Há poucos meses comecei a trabalhar com um produto com o qual tenho tido excelentes resultados no alívio das “pernas cansadas”, bem como no tratamento da disfunção flebolinfológica, propriamente dita. É um produto da marca Human Tecar que se utiliza diluído em água para enfaixamento dos membros inferiores com ligaduras de algodão e denomina-se Solução Aromática Desfatigante.

plantas

Fazem parte da sua constituição potentes ingredientes com ações venotónica, vasoconstritora, hemostática, anti-inflamatória, descongestionante, calmante e estimuladores da microcirculação, tais como, hamammelis, hera-trepadeira, castanha da india, cajepute e manjericão. Contém ainda hortelã-pimenta que lhe confere um incrível efeito calmante e refrescante!

A sua composição confere a esta solução um grande poder de redução imediata de edemas e eliminação de toxinas, tendo portanto aplicação em qualquer situação em que se verifique presença do sintoma pernas cansadas.

 Enquanto fisioterapeuta e cliente aconselho vivamente este produto!

bwizer-034

(Cláudia Presas é fisioterapeuta Dermato-funcional, formadora e consultora de formações na área e periodicamente contribui para o enriquecimento deste espaço)

Discussão

Ainda sem comentários.

Participe! Deixe um comentário ...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: