//
Você está a ler ...
Bwizer, Cursos, Fisioterapia, Formação

Posturologia | Sabe o que é?

posturologia pacilio napoli san giorgioEntre todos os animais, incluindo os mamíferos, o homem adulto é o único totalmente bípede. Essa característica, que alguns consideram um privilégio, acarreta um determinado número de particularidades.

No início do século passado, Charles Bell, já apresentava o problema que a Posturologia estuda atualmente: “como um homem consegue manter a postura em pé contra o vento que sopra sobre ele?”

Segundo Pierre- Marie Gagey e Bernard Weber, a posição ortostática, conquista da evolução do homem, criou problemas a nível da estabilidade testemunhado pelos movimentos incessantes do centro de gravidade do corpo – mesmo aparentemente imóvel, o homem tem de ajustar a sua postura permanentemente.

O controle muito sutil dessa postura ortostática é fruto de numerosos fatores – biomecânicos, sensoriais, neuropsicológicos – integrados em tempo real num conjunto denominado de sistema postural.

O sistema de informações denominado de entradas sensoriais foi descoberto no século XIX, cuja função permite a manutenção da posição ereta do homem contra a ação da gravidade e outras forças externas da natureza.

Na Posturologia estuda-se o Sistema Tônico Postural através de informações dos sistemas integradores como: os pés, os olhos, ouvido interno, a propriocepção, viscerocepção. Ela também ensina a prestarem atenção nos distúrbios de oclusão (ATM) e às cicatrizes nociceptivas que podem modificar o sistema postural.

Os recetores sensoriais quando desregulados, geram perturbações estáticas, ou seja, desequilíbrios posturais, provocando forças anormais contrárias em diferentes tecidos do nosso corpo, sendo muitas vezes a causa de inúmeras patologias como as bem conhecidas hérnias discais ou também cefaleias, vertigens ou problemas de aprendizagem…

Com a Posturologia o terapeuta tem acesso a uma visão totalmente global e integrada, com objetivo de avaliar os desequilíbrios posturais, analisar as diferentes entradas sensoriais e corrigi-las, de forma a reprogramar um novo esquema corporal de uma forma equilibrada.

Descubra mais aqui: http://bit.ly/1vsTey.

Discussão

Ainda sem comentários.

Participe! Deixe um comentário ...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: