//
Você está a ler ...
Bwizer, Comunicação, Equipa, Formação, Geral, Hugo Belchior, Saúde

2 já estão | por Hugo Belchior

marquee number - 2Já se apercebeu que 2 meses do ano já passaram? Ou melhor, que já voaram?!

A voragem do tempo é incrível e é por isso que me forço agora, no final da cada mês, a parar e olhar para o mês que passou. Isso ajuda a pôr as coisas em perspectiva e recorda-nos que aquilo que foi sendo feito, a cada dia, tem valor e é algo que ajuda a construir o futuro. Não caiamos na tentação de desvalorizar aquilo que fazemos, se o estiver a fazer com paixão e rumo aos objectivos traçados. Contudo, se quando olha para trás chega à conclusão de que as coisas não estão a correr como queria, tem a possibilidade de corrigir o rumo. E mais vale fazê-lo logo no final de um mês do que esperar um ano inteiro…

Na Bwizer, o mês de Fevereiro revelou-nos alguns aspectos em que temos que melhorar. Aliás, estou certo que isso acontecerá a cada mês. E adoro quando nos apercebemos que há coisas a melhorar! É sinal que não nos deixámos aprisionar por qualquer tipo de arrogância que tolda os espíritos e leva inexoravelmente à desgraça.

O nosso compromisso é com os nossos clientes. É para eles e deles que vivemos. E tudo faremos para continuar a merecer a sua confiança.

E, felizmente, os sinais neste arranque de ano são positivos. Estamos a crescer face ao período homólogo, quer em inscrições, quer em numero de eventos organizados, quer na diversificação de cursos. E os índices de satisfação continuam altos.

Continuamos a lançar novos produtos e, neste particular, destacaria o curso de Dynamic Taping, um método que resulta do génio do Ryan Kendrick, fisioterapeuta australiano. Em Março teremos o Ryan a ensinar em Portugal, uma oportunidade que não deverá ser desperdiçada.

Ainda em Fevereiro lançámos o nosso website para o mercado espanhol (www.bwizer.es) assumindo assim a nossaempreendedor ambição de internacionalização. O feedback que fomos recebendo, desde logo de Portugal, enche-nos de entusiasmo; efectivamente, por que não há-de uma empresa portuguesa ambicionar ir para outros mercados, abrindo portas à expressão do conhecimento dos portugueses?

E se Espanha é a nossa grande prioridade a nível de crescimento, é provável que não fiquemos por aí… Esteja atento(a)!

Também neste mês que passou, teve início mais um Ciclo de Conversas sobre “Como abrir um Gabinete de Fisioterapia”. Fico sempre impressionado com a energia empreendedora que por aí anda. Às vezes,  o que falta, é juntar a essa energia, algum rumo e algum conhecimento. E é esse contributo que estas Conversas procuram trazer.

Estamos a assistir a mudanças em vários paradigmas. Destacaria 2. Primeiro, a exigência dos clientes. Hoje, o cliente é muito mais exigente perante o seu profissional de saúde. Segundo, a emergência de serviços de excelência a nível da saúde e do exercício. E, alguns, que juntam até as duas vertentes.

O mundo está a mudar. Uns já se anteciparam. Outros, ainda se vão conseguir ajustar a tempo. E depois, como sempre, haverá aqueles que se deixarão ultrapassar e que, porventura, descobrirão pretextos mil para justificar o seu insucesso.

coiseNa Bwizer não podemos, em rigor, prometer o sucesso de ninguém mas, que trabalhamos todos os dias, com afinco, para ajudar neste processo, isso trabalhamos. E é com esse mesmo espírito que enfrentamos um novo mês. Venha daí Março e a Primavera que sempre traz.

Um abraço do,

Hugo Belchior

Discussão

Ainda sem comentários.

Participe! Deixe um comentário ...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: