//
Você está a ler ...
Bwizer, Cursos, Desporto, Fisioterapia, Formação, Saúde

Os exercícios hipopressivos | por Eunice Moura

7Como é que eu vou recuperar a barriga tonificada que tinha antes?

Esta e muitas outras perguntas fizeram e fazem parte do meu dia-a-dia, especialmente quando lidamos com mulheres na fase de pós-parto, mas não só. É um problema que abrange qualquer faixa etária e sexo, levando muitas vezes à procura de resultados milagrosos e rápidos, mas que podem ser bastante dispendiosos, lesivos e sem eficácia comprovada a nível científico.

Como a tonificação abdominal é, sem dúvida, um dos objectivos mais desejados pela maioria da população, há muita oferta o que pode desenvolver um certo grau de confusão para as pessoas quando têm que escolher qual o método mais eficaz.

Quando escolhemos um programa de treino é importante termos o máximo de informação sobre o mesmo. Eu escolhi a marca Low Pressure Fitness – Exercícios Hipopressivos. Após várias pesquisas sobre o assunto percebi que para o entender melhor teria que fazer formação. Na altura ainda não havia formação em Portugal, e resolvi fazer todo o plano formativo em Espanha, onde fiquei logo fascinada após a primeira formação com o potencial que esta técnica poderia ter nas pessoas que treinavam comigo, e percebi que o treino hipopressivo vai muito além de um programa de treino abdominal, é um treino global que tem benefícios a nível postural e respiratório.

HVZQevrgAlguma vez pensou que os aumentos de pressão intra-abdominal como por exemplo, a tosse, espirros, rir, levantar objectos pesados ou o treino de alto impacto pudessem desencadear problemas como hérnias abdominais, discais, incontinência urinária entre muitos outros, quando temos as paredes musculares da cavidade abdominal desprogramadas para a sua função de suporte? É verdade, todas estas situações podem ser lesivas se não tivermos uma musculatura competente e que desempenhe eficazmente o seu papel.

Os exercícios hipopressivos, como exercícios posturais e respiratórios que diminuem a pressão intra‐abdominal vão ajudar a gerir melhor as pressões e a restabelecer a musculatura da cavidade abdominal, conferindo-lhe um tónus muscular eficiente e capaz de suportar as várias situações que vão sucedendo no nosso dia‐a‐dia sem causar lesão. Para além disso irá prevenir várias disfunções do pavimento pélvico ao aumentar o tónus muscular nesta zona, como a incontinência urinária, que muitas vezes podem levar ao abandono do treino e causar uma degradação da qualidade de vida e bem-estar.

Atualmente, a marca Low Pressure Fitness é reconhecida a nível mundial, estando presente em vários países tais como Espanha, Itália, Alemanha, França, Canadá, Brasil, México e mais recentemente em Portugal através da marca Bwizer. Tanto fisioterapeutas como especialistas em exercício físico podem frequentar a formação que engloba 3 níveis, num total de 45 horas, e que será, sem dúvida, uma mais-valia para a práEunicetica profissional. Um dos temas mais valorizados na formação Low Pressure Fitness é a avaliação inicial, que conta com vários testes específicos para percebermos o estado da musculatura abdominal e do períneo, e que deve ser realizado de forma periódica, de forma a que consigamos perceber qual o nível de progressão que devemos seguir.

Seja um dos primeiros a fazer a formação Low Pressure Fitness, garantido resultados seguros, eficazes e com base científica aos seus clientes/ pacientes que confiam no seu trabalho.


Eunice Moura ­‐ Formadora Low Pressure Fitness Portugal (http://bit.ly/1QIz294)

Discussão

Ainda sem comentários.

Participe! Deixe um comentário ...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: